Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Edição Limitada

“Não tenho tempo pra mais nada, ser feliz me consome muito”. Clarice Lispector

Edição Limitada

“Não tenho tempo pra mais nada, ser feliz me consome muito”. Clarice Lispector

Uma coisa de cada vez

via

 

Já há algum tempo que essa coisa de fazer montanhas de coisas ao mesmo tempo começou a ficar fora de moda. Embora muita gente ache que fazer dançar várias bolas no ar ao mesmo tempo é a verdadeira arte, essa arte está a ser ultrapassada pelo truque do mágico de tirar um único coelho da cartola. Fazer uma coisa de cada vez é cada vez mais a tendência. Não é fácil, mas é possível. Dedicarmo-nos a uma tarefa, seja ela qual for, e dar-lhe toda a nossa atenção não só nos pode tornar mais produtivos, como eficientes. 

 

E se não é tarefa fácil, essa transição da multitarefa para a monotarefa, o que podemos fazer para dar início a esse treino circense? Pois bem, vou deixar-vos aqui umas pistas. Podemos, por exemplo, dedicar um dia a cada uma das pistas e ver o que acontece. Quem sabe não adquirimos esses pequenos hábitos e acabamos por facilitar os nossos dias?! Se tiverem mais ideias, deixem nos comentários!

 

  • Tomar o pequeno almoço, ou outra refeição, sem verificar o telemóvel
  • No caminho para o trabalho ficar apenas a observar o caminho
  • Ver um filme em casa, do príncipio ao fim, sem parar - como quando estamos no cinema
  • Ouvir mais e melhor, sem interromper o outro para falar
  • Em vez de ir iniciando várias tarefas à medida que elas aparecem, registar tudo num só caderno
  • Definir, pôr em prática e manter uma rotina de manhã e uma rotina do final do dia
  • Trabalhar em blocos de 20 ou 30 minutos e depois fazer uma pausa
  • Passar um dia sem tecnologia
  • Verificar os emails apenas 2 vezes ao dia
  • Fazer o jantar do início ao fim, de forma dedicada e não por "obrigação"
  • Ouvir um podcast, ler um livro, ouvir música e prestar atenção às letras

 

3 comentários

Comentar post