Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Edição Limitada

“Não tenho tempo pra mais nada, ser feliz me consome muito”. Clarice Lispector

Edição Limitada

“Não tenho tempo pra mais nada, ser feliz me consome muito”. Clarice Lispector

Janelas, estantes e livros

via

 

Padeço de um mal comum a muita gente, mas que poucos admitem: gosto de ver as casas das outras pessoas através das suas janelas e imaginar quem lá vive, o que fazem, os seus gostos e rotinas. Mas calma! Não pensem que me ponho a espreitar descaradamente, não! Passo e vejo as janelas. Normalmente o que vejo até são os candeeiros, quadros, espelhos de parede e estantes… E foi por causa das estantes que começou esta conversa!

 

Sempre que vejo casas com estantes de alto a baixo, de linhas direitas e com um ar arejado, cheias de livros bem ordenados e com ar de biblioteca, livros e objetos com significado… sempre que vejo isso, imagino a biblioteca que sempre quis de ter.

 

Tenho como sonho ter uma parede forrada com umas prateleiras como essas. Prateleiras onde coabitam livros e memórias. Prateleiras onde estão os livros que todas as bibliotecas devem ter: uns quantos clássicos, alguns dos que lemos quando éramos crianças, os que lemos em determinada altura da nossa vida e que por algum motivo nos marcaram. Os nossos livros.

 

Há uns tempos para cá comecei a fazer aquilo que pensava ser impensável: comecei a dar alguns dos meus livros. O primeiro li-o nas férias e enviei-o a uma amiga. Depois de o ter feito pareceu-me mais fácil esta coisa de me desapegar dos livros. Mas não de todos. Há aqueles que estão sempre à espera das prateleiras de alto a baixo e com ar arejado.

 

E conto-vos tudo isto porque dentro em breve vou dar mais uma volta à minha estante e separar os livros que não me dizem assim tanto. Irei fazê-lo novamente para que possam fazer outras pessoas felizes. A Boutique da Cultura abriu em Carnide, em Fevereiro, é uma livraria solidária e dentro em breve o destino de alguns dos meus livros. 

 

 

Simplificar - fazer menos e melhor

 via

 

Contei-vos a semana passada que o livro da Brooke McAlary ia ser editado em Portugal. O que eu não vos contei foi como é que eu soube disso. Mas vou dizer-vos agora!

 

Tenho uma amiga que trabalha, como ela própria diz, "no mundo dos livros". Desde há algum tempo que, quando encontro algum livro que me desperte o interesse, lhe envio imagens, links, nomes, blogs, etc. Já nem me lembro como lhe "apresentei" a Brooke, mas lembro-me de lhe ter dito "também tem um livro". E muitas sugestões depois (mesmo muitas... porque eu inundo-a com sugestões) ela diz-me que vai publicar o livro em Portugal. E eu, claro, fiquei super contente!! Contente e curiosa... É que, na verdade, eu oiço o podcast, leio alguns posts do blog, sei que ela escreveu um livro, mas na realidade... nunca o tinha visto. Não fazia sequer ideia de como os conteúdos estavam alinhados no índice. Mas sempre achei que ia gostar de o ler. E por isso a sensação que tenho é um bocadinho estranha: estou muito contente e sinto, ao mesmo tempo, o peso da responsabilidade. Quase como se fosse eu a editá-lo.

 

A semana passada a minha amiga disse-me que o livro vai ser lançado em Março. Só podia! :) E hoje tive o prazer de o receber em primeira mão! Como podem imaginar, ainda não deu para mais do que folhear mas só disso já gostei. Gostei da capa, do grafismo, do pormenor das pequenas frases ao longo do livro e da cor. Um verde menta que tranquiliza. Quando o título do livro é Simplificar, tranquilidade é o que se precisa!

 

Dia 7 de Março podem encontrá-lo nas livrarias. Depois gostava da vossa opinião!

Agora vou passar à leitura!

 

Planos para esta semana

 via

 

Estamos a chegar ao meu mês favorito do ano! O meu!!! E este ano tem um sabor especial! Já ando a contar os dias desde o ano passado! Estou quase, quase a fazer anos! Este ano faço 40! Muitos pontos de exclamação já tem este parágrafo, mas é que eu gosto mesmo de fazer anos! Por isso... há alguma probabilidade de durante este mês vos melgar o juízo com esse tema :) Mas vá, vamos ver o que está projetado para esta semana: 

 

  • Planeamento do mês de Março: orçamento, agendamento de encontros e marcação de cuidados pessoais, verificação das faturas, etc.
  • Aproveitar que os dias começam a "notar-se", como se costuma dizer, para ir a uma esplanada no final do dia de trabalho
  • Dedicar-me à Lista das 40 coisas. Ainda faltam umas quantas e por isso preciso de pensar um bocadinho sobre o assunto e no que me vou meter durante os próximos 365 dias
  • Informar-me sobre a próxima etapa da aprendizagem da língua espanhola: o exame de nível!
  • Também gostava muito de conseguir ler um bocadinho, calmamente, num banco de jardim. Talvez consiga...