Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Edição Limitada

“Não tenho tempo pra mais nada, ser feliz me consome muito”. Clarice Lispector

Edição Limitada

“Não tenho tempo pra mais nada, ser feliz me consome muito”. Clarice Lispector

Retiro de silêncio

Volta e meia digo que gostava de experimentar fazer um retiro de silêncio. E acho que ia conseguir. Durante uma semana. Precisava era de um livro, um caderno e uma caneta. De resto, uma semana acho que conseguia aguentar. Hoje é Domingo. E estou em retiro de silêncio. Não voluntário... estou com uma "ligeira" infeção na garganta o que já me fez regressar à infância uma data de vezes. Quer por não conseguir comer grande coisa (dieta da sopa, da farinha maizena e da maçã assada em teste), quer pela maravilhosa injeção que tive de levar ontem. Já pus em dia alguns episódios de séries que gosto de ver, já consultei redes sociais, já vi filmes, e começo a ficar um bocadinho aborrecida. Não deixa de ser curioso, agora que posso fazer "montes de coisas" porque estou em casa, não me apetece fazer rigorosamente nada do que está na "lista de coisas que quero fazer". E ainda não peguei num livro, nem num caderno, nem numa caneta... mas continuo a achar que era capaz de aguentar a tal semana. E já agora, é incrível a quantidade de apetites que uma pessoa tem quando não consegue comer... dava para um livro de receitas de comidas de conforto

3 comentários

Comentar post